Desconto IPVA Rio Grande do Sul, RS 2018

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...

O IPVA no Rio Grande do Sul ficará mais barato no ano de 2016, em comparação com o ano de 2018. O imposto diminuiu 3,1% na comparação. Há ainda os descontos para quem pagar em cota única. E também tem os descontos de Bom Motorista e Bom Cidadão.

Descontos no IPVA RS 2018

O IPVA é o imposto sobre a propriedade de veículos automotores, e é cobrada anualmente, e no caso do pagamento não ser efetuado, o motorista pode ter seu veículo apreendido. As datas de pagamento são elaboradas de acordo com o final das placas dos veículos.

IPVA

Descontos no IPVA (Foto: Divulgação)

O desconto de Bom Motorista é dado para motoristas que não cometeram infrações entre novembro de 2016 e outubro de 2017, são 10% de desconto proporcionados.

Já para quem não teve infrações desde novembro de 2015, o desconto é de 15%. O desconto de Bom Cidadão é concedido para os participantes do programa Nota Fiscal Gaúcha. São 2% para quem possuir de 1 até 99 notas, já para quem tiver 100 notas ou mais ganha o desconto de 5%.

Pagamento do IPVA RS 2018

As datas de pagamento são elaboradas de acordo com o final das placas dos veículos. Ele poderá ser feito de duas maneiras: parcelado em até 3 vezes, ou então em cota única. A vantagem de fazer o pagamento a vista é o desconto, já para quem faz parcelado, não há. Ele pode ser feito em agências bancárias, como Banrisul, Bradesco, Itaú e Sicredi, e nas agências do Banco do Brasil. Somente o Banco do Brasil não aceita pagamentos pela internet.

Informações IPVA RS 2018

No Rio Grande do Sul, você pode ter acesso ao valor, a data do pagamento, e ao guia de pagamento, por intermédio do site da Secretaria da Fazenda www.sefaz.rs.gov.br, ou no próprio Detran RS. É necessário ter o número da placa e do renavam do veículo.

Descontos no IPVA

Descontos no IPVA. Imagem:divulgação

Os valores são diferentes para cada veículo, por isso procure saber o valor certo do seu. Para quem tem dúvidas de onde fica o valor arrecadado, 50% do valor fica com o Estado e os outros 50% com o município de origem do veículo. Podemos perceber que bons motoristas e que pagam em dia conseguem bons descontos, por isso é interessante deixar o dinheiro reservado anualmente para não ter problemas na hora do pagamento, e ainda conseguir diminuir esse valor.

Recomendados para você:

Comente (será moderado)