Modificação de motos: O que pode e o que não pode?

Home > Detran > Modificação de motos: O que pode e o que não pode?

Não são poucas as pessoas apaixonadas por moto, por viagens e ainda mais por personalizar do seu modo aquilo que é seu. A maioria dos motoqueiros adora modificar suas máquinas e deixa-las de acordo com o seu estilo; as personalizações podem ser simples, mas também mais robustas e tornar a sua moto completamente única. No entanto, além das modificações serem caras, o responsável pela moto deve estar ciente das legalidades que existem sobre isso.

Para que você possa modificar a sua moto a seu gosto e ainda se manter dentro da lei, é preciso passar por um procedimento burocrático e contar com a ajuda de quem entende do negócio.

É legal fazer a modificação de motos?

Sim, desde que o motorista responsável pelas modificações e pela moto leve as mudanças para serem aprovadas no DETRAN ou até mesmo no órgão que for responsável pelas motocicletas. A aprovação depende do envio de um documento que contenha todas as modificações previstas no veículo, até mesmo aquelas envolvendo peças e todos os procedimentos que serão realizados.

Modificação de motos

Modificação de motos. Imagem:divulgação

Mesmo após ser aprovada as modificações, o proprietário da moto deve comprovar que realmente fez aquilo que estava escrito no documento. A comprovação pode ser feita através das notas dos equipamentos/peças/acessórios adquiridos e até mesmo por meio da apresentação da moto ao órgão.

Depois disso a moto ainda precisa ser analisada pelo INMETRO, que vai avaliar se ela está segura para circular. Depois de tudo isso a moto será liberada e o motorista poderá circular sem correr o risco de ser multado ou apreendido.

Acesse e saiba mais informações: Site do Detran

Chassis

Uma das coisas que não se pode fazer em relação às modificações em uma moto é alterar o chassi. Não é permitido faz qualquer tipo de alteração no chassi da moto, portanto já fique ciente disso desde agora. A liberação ocorreu em casos específicos e muito raros.

Guidão

No caso do guidão, dificilmente os proprietários lidam com problemas para conseguir a liberação para efetuar as mudanças. Para facilitar a aprovação, é fundamental que o novo guidão siga as recomendações de segurança em nosso país.

Modificação de motos

Modificação de motos. Imagem:divulgação

Tanque

No caso do tanque, algumas mudanças podem ser feitas, desde que sejam pequenas. Além disso, ele também pode ser substituído, desde que este seja aprovado ou analisado pelo INMETRO, que dará o veredito se ele é seguro e pode ser usado.

Acesse e saiba mais informações: CNH Social – Inscrições, Estados, como Participar

Rodas e paralamas

Já para as rodas e paralamas, é preciso ficar atento a algumas regras. A primeira regra a ser seguida é que o conjunto das rodas em hipótese alguma deve passar a área dos paralamas. Portanto, está liberada a troca do conjunto de rodas, mas o novo conjunto não deve ser maior do que o paralama.

É importante ainda tomar cuidado em relação às rodas e os pneus. O novo conjunto adquirido não pode ter um diâmetro maior do que o conjunto original e antigo.

Escapamento

Infelizmente o escapamento não pode ser modificado ou trocado. A lei que impede essa troca é muito nova, por isso motos que foram aprovadas há alguns anos podem ter o seu escape diferente.

Recomendados para você:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...