Renault Sandero 2018

Home > Lançamentos de Carros > Renault Sandero 2018

Trabalhando nas mudanças que devem ocorrer com o Novo Renault Sandero 2018, que deve vir ao mercado brasileiro no próximo ano, a Renault divulga mais informações sobre seu lançamento.

Versões e Preços do Renault Sandero 2018

Sandero Authentique 1.0 12V SCe (Flex) 2018 (Versão Hatch de Entrada) – R$ 42.900,00

Sandero Expression 1.0 12V SCe (Flex) 2018 (Versão Hatch de Entrada) – R$ 46.450,00

Sandero Vibe 1.0 12V SCe (Flex) 2018 – R$ 48.600,00

Sandero Expression 1.6 16V SCe (Flex) 2018 – R$ 51.400,00

Trabalhando nas mudanças que devem ocorrer com o Novo Renault Sandero 2018. (Imagem: Divulgação)

Trabalhando nas mudanças que devem ocorrer com o Novo Renault Sandero 2018. (Imagem: Divulgação)

Sandero Dynamique 1.6 16V SCe (Flex) 2018 – R$ 54.300,00

Sandero Expression Easy-r 1.6 16V SCe (Flex) 2018 – R$ 55.350,00

Sandero GT Line 1.6 16V SCe (Flex) 2018 – R$ 56.200,00

Sandero Dynamique Easy-r 1.6 16V SCe (Flex) 2018 – R$ 60.400,00

Sandero RS 2.0 16V (Flex) 2018 – R$ 63.400,00

Sandero RS 2.0 16V Racing Spirit (Flex) 2018 – R$ 66.400,00

Design do Renaul Sandero 2018

O Sandero chega para entregar a mesma proposta do sedã: entregar espaço de carro médio com o preço de um compacto. Dando suporte a isso, as medidas do carro são de 4,06m de comprimento, 1,73m de largura, 1,53m de altura e tem 2,59m de entre-eixo, com espaço do porta-malas de 320L.

Foi baseado na versão topo da linha Dynamique, o Sandero GT Line mostra sua diferença trazendo para-choques remodelados, rodas aro 16, saias laterais e difusor de ar sobre a tampa do porta-malas. Por dentro, o hatch ganha novos detalhes exclusivos na cor azul e um novíssimo revestimento dos bancos. Já o esportivo RS ganhou um visual mais agressivo, com um sistema com três modos de condução, Normal, Sport e Sport, que mudam a resposta do acelerado, o mapeamento da injeção eletrônica e o barulho do motor.

Motorização do Renaul Sandero 2018

O Sandero agora possui motor 1.0 12V tricilíndrico flex que entrega 82 cv de potência e 10,5 kgfm de torque com etanol a 3.500 rpm, mas 90% dessa força já está disponível a partir de 2.000 rpm. Com gasolina, os números são respectivamente 79 cv e 10,2 kgfm. Com esse propulsor, a única opção de câmbio é manual de cinco marchas. Ele possui comando de válvulas variável na admissão e no escape.

O Sandero chega para entregar a mesma proposta do sedã: entregar espaço de carro médio com o preço de um compacto. (Imagem: Divulgação)

O Sandero chega para entregar a mesma proposta do sedã: entregar espaço de carro médio com o preço de um compacto. (Imagem: Divulgação)

Há ainda o novo 1.6 16V flex que rende 118 cv com etanol e 115 cv com gasolina, ambos a 5.500 rpm. O torque é de 16 kgfm a 4.000 rpm com qualquer um dos combustíveis. Nesse caso, o comando de válvulas é variável apenas na admissão. Com o motor 1.6 a transmissão pode ser manual ou automatizada Easy’R, ambas de cinco velocidades. Ambos ainda possuem o tanquinho auxiliar de partida a frio.

Ainda existem versões com a motorização anterior 1.6 8V flex de 106 cv (etanol) e 98 cv (gasolina). O catálogo do Sandero conta ainda com a versão esportiva RS – introduzida na linha 2016 – que traz propulsor 2.0 16V flex de 150 cv (etanol), capaz de fazê-lo acelerar de 0 a 100 km/h em 8 segundos e chegar à velocidade máxima a 202 km/h. Nessa versão, a transmissão é manual de seis marchas.

Ficha Técnica Renault Sandero 2018

Renault Sandero Authentique 1.0 12V SCe (Flex) 2018 / Renault Sandero Expression 1.0 12V SCe (Flex) 2018

Motor/Performance

Alimentação: Injeção multi ponto

Potência (cv): N/D

Cilindrada (cm3): N/D

Torque (Kgf.m): N/D

Velocidade Máxima (Km/h): N/D

Tempo 0-100 (Km/h): N/D

Consumo cidade (Km/L): N/D

Consumo estrada (Km/L): N/D

Dimensões

Altura (mm): 1536

Largura (mm): 1733

Comprimento (mm): 4060

Entre-eixos (mm): 2590

Peso (kg): 1011

Tanque (L): 50.0

Porta-malas (L): 320

Ocupantes: 5

O Sandero GT Line mostra sua diferença trazendo para-choques remodelados. (Imagem: Divulgação)

O Sandero GT Line mostra sua diferença trazendo para-choques remodelados. (Imagem: Divulgação)

Mecânica

Câmbio: Manual de 5 marchas

Tração: Dianteira

Direção: Eletro-hidráulica

Suspensão dianteira: Suspensão tipo McPherson, roda tipo independente e molas helicoidal.

Suspensão traseira: Suspensão tipo eixo de torção, roda tipo semi-independente e molas helicoidal.

Freios: Dois freios à disco.

Recomendados para você:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos)
Loading...